Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

The Gustav.

Imagem
The Gustav: A maior e mais brutal Arma de Guerra de todos os tempos (Vídeo mostra sua ação em Combate)! Postado por  - IncríveisMáquinas Pesadas



Sempre é importante conhecermos a história, até para evitarmos que novos erros sejam cometidos e repetidos. Quando o assunto envolve guerras, isso se torna ainda mais importante. Por isso, agora é o momento de conhecermos a maior arma já construída pelo homem, conhecida como Gustav Gun. Trata-se de um canhão com o maior calibre que existiu, de 80 cm, acoplado a um imenso chassi com rodas sobre trilhos. Essa arma impressionante, lamentavelmente, foi construída a pedido direto de Adolf Hitler no final dos anos 30 e efetivamente operou entre os anos de 1941 a 1945. Entre as ordens expostas pelo Führer estavam as determinações para que fosse eficiente para perfurar um metro de aço, inacreditáveis sete metros de concreto ou 30 de terra densa. Mas basta analisar um pouco mais os seus números para sentir todo o poder de intimidação qu…

Racismo e covardia

Imagem
Esse foto de James Meredith sendo baleado por um atirador de elite chamado Aubrey James Norvell valeu um Prêmio Pultizer. James Meredith foi o primeiro afro-americano a se formar pela Universidade do Mississippi. A Universidade proibia a entrada de negros, mas uma decisão da Suprema Corte dos EUA havia proibido a segregação em escolas que recebessem verbas públicas. Mas Meredith e a equipe legal da NAACP (National Association for the Advancement of Colored People, ou "Associação Nacional para o Avanço das Pessoas de Cor") sabiam que não basta mudar a lei, é preciso forçar a sua aplicação. Em 1961, Meredith tentou se matricular duas vezes na Universidade do Mississippi, sem sucesso, apesar de suas ótimas notas. O advogado contratado em seu nome pela NAACP, recorreu à Justiça alegando práticas segregacionistas, e o caso chegou à Suprema Corte. O governador do Mississippi, Ross Barnett, estava disposto a impedir Meredith de se matricular, inclusive patrocinando um projeto de l…

Vestibular nas arquibancadas

Imagem
Vestibular nas arquibancadas do Mineirão, com mais de 25 mil candidatos nas arquibancadas, sob a vigilância de soldados do Exército.

O regime militar, por não confiar na capacidade das instituições de ensino superior para promover os testes, determinava sua realização centralizada, em espaço físico sob total controle de seus agentes. 

De 1970 a 1977, durante a ditadura militar, o vestibular da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi realizado no estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

Dentro e fora do estádio, o vestibular único, instituído por lei federal no fim dos anos 1960, na reforma universitária, se tornava um espetáculo de mídia. O esquema era rigoroso e não faltavam policiais militares, soldados do Exército e até cães ferozes na entrada do estádio,

Havia a fiscalização de soldados com binóculos, em cabines, monitorando os estudantes, embora houvesse muito espaço entre os alunos para não haver cola. Além de muitos fiscais, de pé o tempo todo, circulando entre os estudantes.

E,…

Para refletir.: Será que ele só fala "besteira?"

Imagem

Viva São João!!! Viva o Rei Lua!!!!

Imagem
São João um dos berços culturais do Nordeste. Onde reinou e sempre reinará Sua Majestade Primeiro e Único Luz Lua Gonzaga. Onde ele criou o Hino do nosso "País" chamado Nordeste.
https://www.youtube.com/watch?v=zsFSHg2hxbc

Olá! Mamãe, peço-lhe se possível aparar ou trançar o cabelinho dos meninos, eles são lindos, mais…

Imagem
Um bilhete em que uma profissional de educação pede a uma mãe que apare ou trance o cabelo de seus filhos, ambos negros, provocou revolta da família e está causando polêmica nas redes sociais.


“Olá! Mamãe Débora, peço-lhe se possível aparar ou trançar o cabelinho dos meninos, eles são lindos, mais (sic) eu ficaria mais feliz com o cabelo deles mais baixo ou preso. Beijos, Fran”, diz o bilhete. Débora considerou o recado uma expressão de preconceito racial e fez um post em tom de desabafo: “Meus filhos Antônio e Benício foram vítimas de preconceito por causa do cabelo deles, recebi essa mensagem na agenda escrita pela coordenadora da escola que até então tinha meu respeito, daqui em diante…” A mensagem se espalhou, compartilhada por amigos, amigos de amigos e pessoas que ela nem conhece. Ela foi procurada pela escola e, na segunda-feira, 20 de junho, esteve no colégio acompanhada de seu advogado. A diretora Eliane Nascimento, proprietária do educandário que leva seu nome, disse então qu…

Pedro Cardoso

Imagem

"Coisas" que na maioria das vezes só acontecem no Japão.

Imagem
OBS.: Não é um blog de notícias mas não tive como não compartilhar algo tão sério quanto importantíssimo. É por essas e outras que ainda posso ter fé na humanidade.


Japão mantém estação de trem para uma única menina ir à escola No Japão, uma empresa ferroviária decidiu manter uma estação de trem funcionando para atender a um único usuário: a adolescente Kana Harada, que dependia do modal para ir e voltar de sua escola. As informações são do site britânico Daily Mail.
No ano passado, a empresa Japan Railways se preparava para fechar a estação Kyu-shirataki, no norte do país, por causa da falta de passageiros.
No entanto, a companhia percebeu que a linha estava sendo usada por essa estudante e, então, decidiu manter a estação aberta até que a jovem se formasse. Além da garota, outros alunos pegam esse trem, só que eles utilizam outras estações.
Reprodução / Daily Mail
A menina dependia do trem para chegar à escola
E foi exatamente isso que aconteceu: a linha encerrou as opera…

Mariana Godoy Entrevista 10/06/16 Dilma Rousseff "presidente afastada".

Imagem

Opinião El País: Artigo publicado há algum tempo mas vale a pena ler.

Imagem
Impeachment: ritos, sussurros e um lugar na história Ser mecanismo constitucionalmente previsto não garante a legitimidade de todo e qualquer caso específico


O Palácio do Itamaraty no dia 27 de abril, iluminado com as cores da bandeira brasileira em referência às Olimpíadas no Rio. Fernando Bizerra Jr.EFE









É provável que, em meados de maio, Michel Temer assuma a Presidência da República no lugar de Dilma Rousseff, com a abertura do processo de impeachment no Senado. Essa é mais uma batalha praticamente perdida pelo Governo, que terá como última trincheira – antes dos prováveis recursos no Supremo Tribunal Federal (STF) – a votação final do processo naquela Casa, quando tentará impedir a oposição de obter o apoio de dois terços (54 senadores) pela condenação e afastamento definitivo da presidente. No atual estado de coisas, entretanto, o Governo só se salva com o surgimento de fatos novos, que alterem as expectativas dos atores políticos e econômicos, além do ânimo da sociedade.…