Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2016

Como a primeira exumação de Dom Pedro I e suas mulheres muda a História

Imagem
A arqueóloga Valdirene do Carmo Ambiel abriu os caixões e examinou os restos mortais do imperador, de Dona Leopoldina e de Dona Amélia. Entenda o que ela descobriu
As mãos ainda bem conservadas de Dona Amélia, segunda mulher de Dom Pedro I (Foto: Valter Diogo Muniz/Divulgação) Dois séculos depois, os restos mortais de Dom Pedro I e de suas duas mulheres, Dona Leopoldina e Dona Amélia, foram pela primeira vez exumados para estudo. Realizados em sigilo entre fevereiro e setembro de 2012 pela historiadora e arqueóloga Valdirene do Carmo Ambiel, os estudos revelam fatos até então desconhecidos da família imperial brasileira e compõem um retrato jamais visto dos personagens históricos, cujos corpos estão na cripta do Parque da Independência, na cidade de São Paulo, desde 1972.

Após removerem os tampões de granito de 400 quilos que cobriam os caixões de Dom Pedro I e de Dona Leopoldina, e aberto o nicho de parede de Dona Amélia, os pesquisadores fize…

Prostituição em Bangladesh

Imagem
Ensaio mostra vida dentro de casa de prostituição em Bangladesh Por
Atualizado em 30/08/2016
000 (Foto: Sandra Hoyn)
Bangladesh é considerado um dos países mais pobres do mundo, e para quem não sabe a prostituição é 100% legalizada. Mesmo no meio de condições precárias e de pobreza, a profissão mais antiga do mundo também é uma das mais atuantes no local. Para documentar esta realidade de perto, a fotógrafa alemã Sandra Hoyn viajou até a cidade de Tangail e tirou fotos incríveis e tensas na mesma proporção.
O projeto, chamado de The Longing of Others, foi todo clicado no bordel de Kandapara, que abriga mais de 700 prostitutas. Sandra precisou ganhar a confiança de cada profissional do sexo para poder fotografá-las em um ambiente, digamos, mais íntimo.
Veja abaixo:
Ensaio de bordel em Bangladesh 1 de 40
The Longing of the Others Créditos: Sandra Hoyn

http://virgula.uol.com.br/comportamento/ensaio-mostra-vida-dentro-de-casa-de-prostituicao-…